Como definir o nicho do meu e-commerce em um segmento de mercado?

nicho do meu e-commerce

Compartilhe agora =)

Rate this post

 

Confira algumas dicas que te ajudarão a definir o melhor nicho e destacar o seu e-commerce no mercado online

De acordo com o “Perfil do E-commerce Brasileiro”, encomendado pelo PayPal Brasil à BigData Corp, a quantidade de e-commerces no Brasil no ano de 2018 chegou a 675 mil lojas, 75 mil a mais que o ano de 2017. É bem provável que esse número tenha aumentado bastante, visto o crescimento que o mercado online tem tido nos últimos tempos.

Entretanto, para se destacar em meio a essa enorme quantidade de empreendimentos online, é preciso estar com a proposta do seu negócio bem definida. É aqui que entra aos chamados nichos de mercado.

Para te ajudar a entender melhor o que é um nicho, como definir o ideal para a sua loja e quais são as vantagens, preparei este texto que permitirá abrir a sua mente para que você siga no caminho certo já no início do seu negócio!

Vamos lá? =D

Mercado, segmento e nicho: qual a diferença?

Antes de mais nada, é preciso que você entenda que há diferença entre essas três palavras. Mercado, segmento e nicho são termos que se complementam e, entendê-los, é o primeiro passo que você precisa dar para seguir com o seu e-commerce.

O mercado refere-se a algo muito mais amplo. Quando falamos dele, é preciso entender a sua enorme possibilidade de ramificações. Podemos nos referir aqui sobre o mercado de moda que, neste exemplo, apresenta uma amplitude de possibilidades para você que está na dúvida de qual caminho seguir.

Dentro do mercado, temos então os segmentos, que são caminhos um poucos mais específicos que podem ser seguidos dentro do mercado escolhido. Se no parágrafo anterior falamos sobre o mercado de moda, aqui podemos definir então que dentro dele trabalharemos o segmento de moda masculina.

Agora, mais específico ainda dentro do segmento é o nicho. Ele corresponde a uma pequena parcela de pessoas que gostam das mesmas coisas, dentro de um mercado gigantesco. Essa pequena parcela acontece justamente porque o nicho é algo mais restrito. Assim, se definimos que o mercado será de moda e o segmento de moda masculina, podemos então trabalhar aqui com moda country, por exemplo, atendendo um público bem específico. 

Entender a diferença entre esses três termos é simples, o mais difícil é definir o melhor nicho para o seu empreendimento. Mas isso também não é algo impossível. No tópico abaixo eu separei algumas dicas que te ajudarão nesse processo! Confira!

Como definir o nicho do seu e-commerce

Pode parecer difícil definir o nicho do seu negócio, afinal, são imensas possibilidades disponíveis no mercado hoje. No entanto, existem algumas atitudes capazes de te ajudar a definir da melhor forma o caminho que o seu empreendimento online seguirá, como:

#1 Defina o mercado e o segmento

No tópico acima você identificou a diferença entre mercado, segmento e nicho, certo? Agora, é hora de colocar em prática. Para definir o nicho do e-commerce que está iniciando, é preciso ter um mercado e um segmento bem definidos. A partir daí, você conseguirá visualizar melhor as possibilidades de nicho para seguir no caminho certo.

#2 Escolha algo que gosta

Não adianta você escolher um nicho que não gosta. Para que as coisas ocorram da melhor maneira é preciso que você se sinta bem no que está fazendo, pois só assim o trabalho irá te gerar satisfação e ânimo para seguir com todos os processos necessários. Por isso, na hora de definir, pense em algo prazeroso para você. Afinal, seu know-how está totalmente ligado ao que você é e ama fazer, seja um esporte, um estilo de vida ou uma forma de pensar.

#3 Veja a situação do mercado

Além de escolher um nicho que goste de trabalhar, é preciso verificar a situação dele no mercado online. Uma boa maneira de fazer isso, é analisando as empresas que já existem no ramo escolhido, identificando quais são os processos, os pontos fortes e fracos do mercado, as ações adotadas pelos concorrentes e, também, as deficiências e principais reclamações dos consumidores. É aqui que você poderá inovar no nicho escolhido e oferecer melhores experiências à sua audiência.

#4 Trabalhe com a estratégia do Oceano Azul

Essa estratégia busca evitar setores já muito explorados. Aqui, o Oceano Azul refere-se aos nichos que são pouco aproveitados no mercado, mas apresentam um bom público e alta possibilidade de lucro. Caso você ainda opte por um nicho saturado, o chamado Oceano Vermelho, a inovação é o melhor caminho para se destacar.

Reprodução: Shutterstock

Vantagens de um e-commerce com nicho bem definido

Você pode se perguntar: mas isso não vai reduzir demais meu público a ponto de não ter como escalar? É aí que muitos se enganam. O nicho de mercado é crucial para seguir com todas as outras etapas de criação. A partir do momento que você tem isso bem definido, os outros processos se tornam mais fáceis e o desempenho do e-commerce bem melhor, afinal, as vantagens que um e-commerce de nicho oferece vão além de um posicionamento bem definido. Aqui, eu posso destacar:

  • Concorrência baixa ou nula;
  • Aumento da possibilidade do e-commerce se tornar referência no mercado;
  • Melhor posicionamento da marca;
  • Melhor compreensão por parte do público-alvo;
  • Estratégias de marketing direcionadas a um público pequeno e certeiro;
  • Aumento da possibilidade de fidelização e recorrência;
  • Especialização do e-commerce em um único assunto.

O grande diferencial de ter um e-commerce nichado é que a concorrência será muito menor ou até nula, e aqui você ganha na taxa de conversão. Afinal, o que é melhor: investir tempo e dinheiro em um público amplo e concorrido de 5 milhões de pessoas, lutando por uma taxa de conversão de 1%, por exemplo, ou focar em um público filtrado e qualificado de 500 mil pessoas, com altas chances de converter mais de 20% dessa audiência?

Faça as contas e repense seu modelo de negócio. No primeiro cenário, você alcança uma conversão de 50 mil pessoas, mas no segundo você praticamente dobra para 100 mil pessoas. A grande questão não é só a quantidade, mas principalmente a qualidade da audiência.

Possui um e-commerce nichado? Conte para mim como tem sido a sua experiência!

Não se esqueça de contar nos comentários se gostou de todas as dicas do texto! =D

Leia também: Uma xícara de inbound marketing e uma colher de criatividade

Compartilhe agora =)

Comente aqui!

Postagens relacionadas

Comente aqui